Terms & Conditions

We have Recently updated our Terms and Conditions. Please read and accept the terms and conditions in order to access the site

Current Version: 1

Privacy Policy

We have Recently updated our Privacy Policy. Please read and accept the Privacy Policy in order to access the site

Current Version: 1

Curiosidades

28 de janeiro de 1986 – Ônibus espacial Challenger explode após lançamento

Em 28 de janeiro de 1986, o ônibus espacial Challenger explodiu logo após a decolagem, matando os sete tripulantes a bordo. O ônibus espacial se desintegrou sobre o Oceano Atlântico, ao largo da costa do Cabo Canaveral, na Flórida.

Este acidente é considerando o mais trágico acidente espacial que já aconteceu.

Os sete astronautas que perderam suas vidas na tragédia de lançamento do Challenger STS-51L foram o comandante Francis “Dick” Scobee, o piloto Mike Smith, os especialistas da missão Judy Resnik, Ellison Onizuka e Ron McNair, e os especialistas em carga Greg Jarvis e Christa McAuliffe, que foi treinado para ser o primeiro professor no espaço.

Mais tarde, a NASA determinou que dois anéis O de borracha, que foram projetados para separar as seções do foguete, haviam falhado devido às temperaturas frias na manhã do lançamento.

O desastre resultou em um hiato de 32 meses no programa de ônibus espaciais, enquanto a NASA trabalhava para redesenhar a espaçonave para evitar que outra tragédia como esta acontecesse novamente.

A tripulação da missão STS-51L do ônibus espacial Challenger, que terminou em tragédia logo após o lançamento em 28 de janeiro de 1986. Da esquerda para a direita, os astronautas são Christa McAuliffe, Gregory Jarvis, Judy Resnik, Dick Scobee, Ronald McNair, Michael Smith e Ellison Onizuka. (Crédito da imagem: NASA)

Para melhor experiência com o vídeo, ative as legendas.

Mostrar mais

Nelsir Luterek

Empresário, colunista, especialista em TI, mentor, CTO e consultor estratégico em inovação.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo