Terms & Conditions

We have Recently updated our Terms and Conditions. Please read and accept the terms and conditions in order to access the site

Current Version: 1

Privacy Policy

We have Recently updated our Privacy Policy. Please read and accept the Privacy Policy in order to access the site

Current Version: 1

Mundo

Rússia começa preparativos para desembarque do homem na Lua

A corporação espacial estatal russa Roscosmos anunciou um concurso para estudo de questões problemáticas da organização de voos espaciais tripulados à Lua.

A corporação pretende elaborar os requisitos para equipamentos espaciais que vão ser usados em missões lunares, segundo informou Roscosmos. O valor total do contrato é de 1,7 bilhão de rublos (R$ 12 milhões).

“Os objetivos do trabalho de pesquisa são: o desenvolvimento de propostas, recomendações e requisitos para as tecnologias promissoras, elementos e sistemas de produtos da tecnologia de foguetes e espacial, que assegurem a realização segura de voos tripulados à Lua, do trabalho de cosmonautas na órbita lunar e superfície da Lua, tendo em conta a necessidade de resolver problemas biomédicos”, conforme a corporação.

Roscosmos indicou pela primeira vez em seus documentos oficiais que a Rússia usará o veículo de lançamento Angara e uma pequena espaçonave de transporte para os primeiros voos tripulados à Lua.

O documento abrange a elaboração de requisitos para um pequeno veículo de decolagem e pouso lunar, projetado para o desembarque de cosmonautas na superfície lunar.

O concurso também inclui o desenvolvimento de um novo traje espacial para trabalhos na Lua e criação de seu protótipo, equipamento de proteção da saúde dos cosmonautas, incluindo novas caixas de primeiros socorros, um veículo lunar de construção, módulos habitável e gerador de energia da base lunar e uma espaçonave para carregar suprimentos à Lua.

Além disso, serão desenvolvidos um veículo de lançamento pesado, uma espaçonave de transporte tripulada e um veículo de decolagem e pouso lunar.

Os primeiros resultados devem ser apresentados até o fim de 2022. O total do programa descrito deve ser preparado até novembro de 2025.

Em dezembro de 2020, o chefe da Roscosmos, Dmitry Rogozin, informou que a corporação escolheu o foguete Angara em vez de um veículo de lançamento superpesado na primeira fase. Apenas na segunda fase serão realizados voos no veículo de lançamento superpesado, que será criado usando novas soluções técnicas.

Fonte: Sputnik News

Mostrar mais

Cassio Felipe Tartas Rogalski

Sou formado em Letras e Jornalismo com especialização em Relações Internacionais e Diplomacia. Professor, jornalista, autor, colunista e analista de Relações Internacionais. Sou apaixonado por línguas, filosofia, escrita, livros em geral, música, viagens e café.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo